Envelhada

Caiu tempo na matéria das coisas;
e ficou - enferrujada -,
e ficou - impregnada.

Caiu tempo no tempo da foto,
e ficou - amarelada -,
e ficou - não velha - envelhada.

Teceu dobras o tempo nas mãos,
e ficou - quebradiça -,
e ficou - não reumática - esclerosada.

Pingou década na saia da menina;
cairam meses desde a última lágrima.
Chuveu eras no tronco daquela árvore;
que eu subia, descia, escrevia uma página.

E ficou
e ficou - na foto -
o dilema.

E sobrou
e sobrou - no fígado - por caridade
este poema.



.......................................................................................



Verso daquele osreV

Na frente tem significante.
Atrás tem significado.
.etnacifingis met etnerf aN
.odacifingis met sàrtA

Na cara age o cérebro.
Na costa age coração.
.orberèc o ega arac aN
.oãçaroc ega atsoc aN

Vivemos em jaulas - - saluaj me someviV
desde o vô Cuneiforme. .emrofienuC ôv o edsed
No cabresto formal lamrof otserbac oN
de só olhar a capa. .apac a rahlo òs ed

O rompimento da semântica
O otnemipmop ad acitnâmes
com a tirana ortografia.
moc a anarit aifargotro.

Oposto de linguagem é gramática -
.ainoga mèbmat E

...................................................................
Eneidinha Metonímia

Entre dois vértices apicais da sala antiga, recobrida de mármore e tacos de pau-brasil, Eneidinha saira correndo como se fugisse do Curupira; gritando por sua mãe; e em suas mãos prematuras de quatro anos, carregara dependurado um relógio Orient antigo que descobrira há minutos, propriedade de seu falecido bisavô.

__ Mãe! Mãe!
__ O quê, filha?
__ Achei um tempo.
(...)

Marcos Carneiro


Concerto no leito

Não seria, nem de longe, uma cantada;
Não, na estirpe de pobres duplos sentidos.
Pelos grilhões do faticismo, fora arrastada
à linguagem oculta de estranhos grunidos.

Onomatopéias unânimes; não existem no plano da voz.
Concebida apenas, quando no papel deitadas,
como esses corpos - luzes de brio envergonhadas -,
como esse rio - em nosso leito bebes de sua foz.

No pleito de tácitos vocativos,
são nomes, à sopros, relegados.
Encontram-se, em línguas, variados motivos
o desequilíbrio: concertos de fluentes gritados.




.....................................................................
Ocorreu um erro neste gadget